Apresentação

 

O estudo da hepatologia regional, com a finalidade de caracterizar os agentes infecciosos e não infecciosos das hepatopatias humanas e não humanas, e seus modos de transmissão, prevenção e controle, é o principal objetivo da SAHEP.

 

A motivação para o início do estudo das hepatites na Amazônia foi, em grande parte, devido a surtos familiares de hepatopatias fulminantes na Amazônia ocidental, que ficaram conhecidos como Febre Negra de Lábrea, pela procedência dos primeiros casos estudados.

Áreas de Atuação

 

Dentre as atividades de pesquisa mantidas atualmente pela SAHEP, destacam-se: perfil etiológico da doença hepática crônica (DHC) em um hospital geral da Amazônia Oriental, mediante parceria com o Hospital da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará e Universidade Federal do Pará: variantes genéticas dos vírus das hepatites B e D na Amazônia; epidemiologia da equinococose policística na Amazônia brasileira.

 

Em colaboração com o Centers for Disease Control (CDC), o IEC detectou presença de vírus da hepatite Delta na Amazônia e no Brasil pela primeira vez, em casos de hepatites agudas, hepatites fulminantes, hepatites crônicas, além de portadores assintomáticos.

 

Em conseqüência de suas atividades a SAHEP comprovou laboratorialmente o primeiro surto de hepatite C em hemodialisados no Brasil, 1990; realizou o primeiro levantamento sobre reservatórios de E. vogeli e E. oligarthrus na Amazônia; colaborou na definição sobre a importância relativa do alcoolismo e das hepatites B, D e C na etiologia da Doença Hepática Crônica, conforme variáveis demográficas e epidemiológicas para a Amazônia Oriental; fez a identificação de mutante do vírus da hepatite B-HBV (G145R) circulando na Amazônia e com potencial genômico de resistência à vacina; identificou pretensos fitoterápicos na etiologia das hepatites tóxicas.

Referência

 

A Seção funciona como Laboratório de Referência para a Amazônia brasileira no que concerne a sorologia e biologia molecular para identificação de marcadores de infecções agudas e crônicas pelos vírus das hepatites (A, B, C, D e E).

 

Também realiza pesquisa sorológica de hepatotoxinas e marcadores de tumores de fígado como a alfafetoproteína. Por meio de seu Laboratório de Biologia Molecular realiza pesquisa qualitativa de carga viral e genotipagem referentes aos genomas dos vírus das hepatites B, C e D. Para pesquisa de agentes virais hepatotrópicos não habituais, utiliza técnicas de microscopia eletrônica.

Hepatologia

 
Produção por Seção Científica:

- Coleção Biomedicina e Saúde Pública;

- Eventos;

- Notícias;

- Viagem;

Produção por Pesquisador:

- Heloisa Marceliano Nunes;

- Manoel do Carmo Pereira Soares;

Produção por contratados com a UNESCO, PROJETO 914BRA2009 VIGISUS II SVS:

- José Antonio Picanço Diniz;

- Liliane Almeida Carneiro.

Contato SAHEP

Email: sahep@iec.pa.gov.br
Tel.: +55 91 3214-2072
+55 91 3214-2139

Instituto Evandro Chagas
Envie uma mensagem para nossa equipe de comunicação e ajudaremos como possível. Nosso prazo de atendimento é de até 10 dias úteis.

    Seu nome completo*

    Seu e-mail*

    Telefone

    Estado*

    Município*

    Assunto*

    Sua mensagem