Instituto Evandro Chagas é acionado pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPE) e Ministério Público Federal (MPF) para avaliar uma denúncia de impactos ambientais

  • Instituto Evandro Chagas é acionado pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPE) e Ministério Público Federal (MPF) para avaliar uma denúncia de impactos ambientais

    Instituto Evandro Chagas é acionado pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPE) e Ministério Público Federal (MPF) para avaliar uma denúncia de impactos ambientais

    NOTA PARA A IMPRENSA

    Neste sábado, dia 17, o Instituto Evandro Chagas (IEC/SVS/MS) foi acionado pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPE) e Ministério Público Federal (MPF) para avaliar uma denúncia de impactos ambientais e riscos à saúde humana devido a um possível lançamento de efluentes das atividades de processamento de bauxita da empresa Hydro, no município de Barcarena, na região metropolitana de Belém. Neste domingo, dia 18, uma equipe coordenada pelo Dr. Marcelo Lima, pesquisador em Saúde Pública da Seção de Meio Ambiente do IEC, esteve no local e realizou coleta de amostragens de águas e efluentes. Até a próxima quinta-feira, dia 22, os resultados serão informados ao MPE e ao MPF.

    Por Kelvin Santos de Souza – jornalista ASCOM/IEC
    Atendimento à imprensa

    (91) 3214-2249

Instituto Evandro Chagas
Envie uma mensagem para nossa equipe de comunicação e ajudaremos como possível. Nosso prazo de atendimento é de até 10 dias úteis.

Seu nome completo*

Seu e-mail*

Telefone

Estado*

Município*

Assunto*

Sua mensagem